segunda-feira, 26 de abril de 2010

" OQUE SOU EU "



Sou a magia elemental contida neste corpo causal
Sou forma condensada em partículas de pura emoção

Sou essência mais antiga que o próprio pensamento
Sou inspiração, que chega de leve como a brisa do verão

Sou o ar que alimenta o fogo animal da mais louca paixão
Sou rei de mim mesmo, muito além das brumas do tempo

Sou o brilho dos olhos refletido no êxtase de outro olhar
Sou chuva que refresca a terra árida e sem esperança

Sou o pensamento dos sentimentos e da ação
Sou energia que ascende além da forma

Sou o vapor da água cristalina, carregada pelas nuvens do céu
Sou tudo e não sou nada,
Pois me descubro à cada momento !

(Poema Celta/Arnehoy Seneween ®)

Nenhum comentário:

Postar um comentário