segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

"MEDICINA VIBRACIONAL - LÍTIO, O MINERAL QUE BLOQUEIA A BIPOLARIDADE"

(BIPOLARIDADE TEM CURA)

Este texto destina-se principalmente às pessoas que serão tratadas com o lítio, aos que possam vir a necessitar desse tratamento, aos seus familiares e amigos. Mas, certamente, a informação científica que contém será muito útil para os médicos e outros técnicos de saúde, na área da psiquiatria e da medicina em geral. Esta é uma informação nova !

Este mineral é um medicamento comprovadamente eficaz na prevenção de uma doença psíquica recorrente, caracterizada pela repetição de crises depressivas com grande sofrimento e risco, e de crises eufóricas, que podem ser seriamente comprometedoras para as pessoas atingidas, é uma arma terapêutica de primeira linha quando bem utilizada.

Ora, está provado que, de um modo geral, a educação do paciente e dos familiares é uma condição essencial para uma boa prática médica, garantindo uma consciente adesão ao tratamento e os necessários cuidados a ter.

Vivemos uma época em que CONHECIMENTO vale mais que dinheiro, pois este não resulta em saúde, conhecimento sim !

O rótulo de “doença mental”, como algo estranho, essencialmente negativo e diferente das outras doenças, ainda pesa, e de que maneira, na opinião de muita gente, mesmo dos dito instruídos..

Desmistificar preconceitos enraizados, exige uma psiquiatria exercida com maior eficácia, impossível sem uma consciência esclarecida dos cidadãos doentes, dos familiares e amigos e de todos os que se interessam pelo ser humano em crise, num espírito de salutar otimismo científico humanista.

OQUE É O LÍTIO ?
COMO É QUE ELE É USADO NO TRATAMENTO DA BIPOLARIDADE ?

O lítio é um elemento simples que se encontra na natureza.
Visto existir, no seu estado normal, em pequenas quantidades na comida e na água, o lítio encontra-se no corpo humano.

Estes vestígios, contudo, não têm expressão. Algumas rochas têm um alto teor de lítio e são estas as fontes de quase todo o lítio utilizado na indústria e na medicina.

Não obstante as propriedades do lítio serem conhecidas há mais de uma centena de anos, a sua utilização na medicina moderna apenas começou em 1949. Mesmo assim ainda hoje poucos sabem deste imporante recurso natural.

O lítio é eficaz no controle de algumas doenças mentais e estados emocionais caracterizados por grandes e frequentes alterações de humor, muito incapacitantes. Tais perturbações são conhecidas em linguagem médica como Doença Bipolar,ou Perturbação do Humor Bipolar. A maioria das pessoas afetadas pela perturbação Bipolar sofrem de episódios recorrentes quer de Mania, quer de Depressão.

Em alguns casos, pode acontecer apenas uma crise ou algumas e nunca mais se repetirem. As pessoas que sofrem apenas de crises periódicas de mania (sem depressão), são consideradas também como Bipolares.

Aqueles que experimentam apenas crises episódicas de depressão, têm contudo, uma doença designada por Depressão Major ou Perturbação Unipolar, a qual se distingue da perturbação Bipolar.

A Mania caracteriza-se pela mudança de humor do estado normal para um estado extremo de hiperactividade e frequentemente acompanhado de sentimentos de elevação, grandeza e euforia,um estado descrito como estar-se no «topo do mundo». Durante um episódio maníaco pode-se dormir muito pouco, falar muito, rápida e continuadamente, gastar pouco tempo com as refeições, mostrar acentuada irritabilidade e impaciência e terem-se pensamentos rápidos, precipitados.

Muitas vezes o estado maníaco evolui até ao ponto em que o bom senso diminui e o contacto com a realidade se perde.

Pode tornar-se difícil compreender o que uma pessoa está dizendo.
Por vezes, decisões tomadas precipitadamente resultam de impulsos, e levam a esbanjamentos financeiros, excessos sociais ou profissionais, com consequências legais que podem envolver não só o próprio mas a sua família e, porventura, os outros. A hospitalização pode ser necessária nestes casos.

A DEPRESSÃO é um estado em que o humor muda até ao ponto de se ficar muito em baixo, acabrunhado, sem ânimo, desesperado. Verificam-se alterações no sono, falta de apetite, perda de interesse sexual, falta de energias, excesso de preocupações, perda de interesse pelas coisas, impossibilidade em conseguir prazer e dificuldades respeitantes à concentração e à memória.

O cumprimento de tarefas diárias, tais como ir para o trabalho, tornam-se difíceis ou impossíveis. Pessoas em estado de depressão, muitas vezes pensam no suicídio e, por vezes, suicidam-se. A hospitalização poderá ser necessária.

Tendo em consideração o que acima se diz, deve-se entender bem claramente, que a bipolaridade e a depressão são transtornos clínicos graves e não se devem confundir com as normais variações do humor, tais como estar-se com «boa ou má disposição», situações que a todos ocorrem normalmente, de tempos a tempos.

Não obstante ser o lítio utilizado principalmente no tratamento de doença Bipolar, os investigadores continuam a estudar novas utilizações para o medicamento. Mostra-se uma promessa para o tratamento de uma diversidade de doenças, incluindo situações de depressão não associadas com a doença Bipolar.

O lítio pode auxiliar uma pessoa a sair deste estado e voltar ao seu estado normal. (O lítio pode, do mesmo modo, ser eficaz em alguns casos de depressão aguda)

O lítio pode tambem contribuir para a prevenção de episódios de bipolaridade, mania e de depressão, impedindo a sua recorrência.

Embora o lítio ajude a evitar os sintomas da perturbação Bipolar, não é uma cura total. Não obstante poder prevenir futuras oscilações de humor, os problemas pessoais de anteriores crises podem continuar a existir.
Os problemas da vida relacionados com a perturbação Bipolar não serão obviamente resolvidos com a ajuda do lítio.

COMO O LÍTIO ATUA ?

Supõe-se estarem na base da perturbação Bipolar desequilíbrios químicos em certas células cerebrais relacionadas com as emoções e o comportamento. Os peritos pensam que o lítio pode atuar como um meio de corrigir estes desequilíbrios e, portanto, estabilizar o humor.

Utilizamos para casos de Bipolaridade e depressões, o "Centralis" (Lítio)sempre com resultados excelentes !

Ele tem dois domínios de ação:

-Melhora as funções eliminatórias pelas vias urinárias nomeadamente a uréia e o ácido úrico.

-Atua de maneira preciosa no tratamento dos distúrbios do psiquismo, bipolaridade, nervosismo, ansiedade, angústia, depressão psíquica, manias, insônia, instabilidade, agitação,irritabilidade, perturbação do humor e do comportamento, agressividade, inibição, perturbação de caráter em qualquer idade, psico-dermatose.

Consulte seu médico ou seu terapeuta antes de se auto-medicar, pois existem
dosagens e horários específicos para cada caso em particular !


Fonte : Dean Foundation / Lithium Information Center (Madison-Wisconsin)

3 comentários:

  1. Olá Miguel

    Como vai?

    Adorei o post, pois, me interessa muito a respeito dessa doença - BIPOLARIDADE, pois tive uma filha com um bipolar e tenho receios que ela possa apresentar futuramente na adolescência os sintomas.

    Caso você tenha mais informações sobre esse tema, por favor me envie pelo blog ou e-mail ou face

    Abraços,
    Roberta Carrilho

    robertacarrilho@hotmail.com
    http://robertacarrilho-div.blogspot.com/
    http://www.facebook.com/roberta.carrilho

    ResponderExcluir
  2. Oi Miguel!!!
    Adorei a matéria, e seria muito bom se todos lessem... É uma pena q as pessoas não saibam ao certo o que é a BIPOLARIDADE...e fiquem fazendo comentários infelizes, mesquinhos e inoportunos do tipo - Ele é BIPOLAR - é louco... ou é BIPOLAR é demente... esses comentários pejorativos...
    Os autores de novelas deveriam estudar e saber exatamente o que é a BIPOLARIDADE, e parar de usar o termo para justificar as loucuras de seus personagens... é muito triste ver esse tipo de comentários nas tramas, uma vez que isso acaba se propagando entre a população em geral, essa idéia erronea do que é realmente a BIPOLARIDADE.
    É um distubio sério, que só quem passou por essa experiência sabe como é dificil lidar com isso...
    E uma mescla de sentimentos que vc se sente a pessoa mais importante do mundo.. super valorização da auto estima, e de repente vc se sente que está nas profundezas do poço do inferno!!! E que nessa situação a gente não vê mais a luz no final do túnel de tão mal q a gente fica... e daí vem aquelas idéias de suicidio, e terminar com o sofrimento o mais rápido possível, de uma vez por todas...
    Obrigada pela força q vc tem dedicado a mim e ao meu amigo...
    Bjs
    Fique com Deus
    Márcia Nomura

    ResponderExcluir