segunda-feira, 7 de novembro de 2011

ALERTA - "FICAR MUITO TEMPO SENTADA AUMENTA RISCOS DE CÃNCER DE CÓLON E DE MAMA"



Segundo um novo estudo, a nossa cultura de passar muito tempo sentado pode ser responsável por 173.000 casos de câncer por ano.
As estimativas ligam a inatividade física a 49.000 casos de câncer de mama e 43.000 casos de câncer de cólon por ano só nos Estados Unidos.
Esses cânceres – de mama e de cólon – parecem ser os mais influenciados pela atividade física. Mas as descobertas também sugerem que um número estimado de 37.200 casos de câncer de pulmão, 30.600 casos de câncer de próstata, 12.000 casos de câncer de endométrio e 1.800 casos de câncer de ovário poderiam ser evitados se as pessoas fossem mais fisicamente ativas.
A pesquisa é mais uma de um corpo crescente de estudos que indicam que a postura sentada prolongada tem consequências letais, independentemente do quão ativas são as pessoas no resto do dia.
“Parece altamente provável que, quanto mais tempo você ficar sentado, maior será seu risco de câncer”, disse Neville Owen, especialista em epidemiologia comportamental. “A quantidade de tempo que gastamos em pé e andando torna-se uma pequena taxa das horas acordadas de uma pessoa”, disse Owen.
No entanto, existe uma boa notícia: períodos longos e ininterruptos de ficar sentado são os piores para saúde; portanto, quebrar esses longos momentos com apenas alguns minutos de exercício leve pode diminuir o risco de câncer.
Por exemplo, Owen descobriu que intervalos de um a dois minutos de ficar sentado podem reduzir os níveis de moléculas no corpo que são ligadas ao risco de câncer. Os intervalos foram associados com cinturas menores, menor resistência à insulina (um sinal precoce de diabetes) e menores níveis de inflamação, todos fatores de risco para o câncer.
E atividade física não significa apenas ir para a academia. Os 30 minutos de exercício moderado por dia – a quantidade recomendada de atividade física – faz com que as pessoas sejam realmente ativas apenas 3% do seu dia.
Ao mesmo tempo em que ir para a academia ou fazer exercício físico regular ainda é importante, os especialistas também recomendam que as pessoas façam pequenas pausas de sentar-se durante o dia-a-dia, quebrando os 97% restantes do dia sentado com curtos períodos de atividade que podem proteger contra muitos tipos de câncer.
Em um estudo, mulheres na pós-menopausa que se envolveram em moderados a vigorosos exercícios diários tinham níveis mais baixos de proteína C-reativa em seus corpos depois de um ano, em comparação com mulheres que não praticavam este nível de atividade. Baixos níveis desta proteína têm sido associados a risco reduzido de câncer de mama.
A proteína C-reativa é um marcador de inflamação, uma resposta imune que normalmente ajuda o corpo a combater infecções. Níveis cronicamente altos de inflamação podem danificar as células e possivelmente aumentar o risco de câncer.
Os pesquisadores estimam que o exercício diário reduz o risco de câncer de mama e de cólon em 25 a 30%.
Para que você crie o hábito de não ficar tanto tempo sentado, aproveite algumas das dicas do Instituto Americano de Pesquisa Sobre o Câncer:
• Arrume um despertador para lembrá-lo a cada hora que é hora de levantar-se de sua mesa e fazer uma breve caminhada pelo corredor;
• Em vez de mandar um e-mail para um colega de trabalho, converse com ele ou ela enquanto caminham;
• Se possível, levante e ande um pouco durante as chamadas telefônicas e reuniões;
• Arrume pesos leves para carregá-los na mão durante a leitura de e-mails ou enquanto fala no telefone.

Nenhum comentário:

Postar um comentário